10 de fevereiro de 2015

Féta, rabo gordo e panados

Acabei de almoçar agora. Hoje não tinha aulas, porque o horário ainda não está completo. Então ontem, aliviada de responsabilidades, decidi que me ia pôr a fazer o que me apetecesse, rabo gordo sentado na cama, robe, pijama e comida. Fui dormir lá para as 4h da manhã. Acordei hoje eram 3h da tarde. Fiz uns 12 panados de perú (e sim, vou comê-los todos e não, não era minha intenção usar os 12 de uma vez - foi um erro, crasso). Comi. Estava bom. Agora vou assentar o rabo gordo na cama, de robe e pijama, a fazer o que me apetecer. Vou mesmo, que amanhã já tenho aulas de novo. Logo à noite vou sair e vou-me atirar aos Mojitos, que eu sou pessoa para gostar muito daquilo, ainda que o álcool não seja o meu forte. Féta, é féta!

12 comentários:

Maria Varredora Pau de Vassoura disse...

Posso acompanhar-te?
Adoro dias assim e mojitos! ;)))

Panda disse...

Olha, não podes, deves!

O lado B da blogger feliz disse...

Féta, rabo gordo e panados é um título perfeito para mim :D

Pois que fizeste muitíssimo bem! Há lá coisa melhor que um dia de ronha?

Panda disse...

Ahahahah para ti e para mim, lado B :P E não, estou plenamente convencida de que isto é o melhor.

TimTim disse...

Tu queres é vida louca xD

Panda disse...

Pois quero! :D

FME disse...

Féta é féta :) que saudades de me deitar às 4h O.O

Panda disse...

Eu também já tinha, mas acordo toda rebentadinha :P

Mia disse...

e ninguém drome!! :D
Inveja. Muita inveja. Por aqui também não se "drome" mas é por motivos derivados de trabalho e cenas. Oh. Também quero panados e mojitos.

Panda disse...

Mojitos não, mas panados ofereço!

Mia disse...

Marcha qq coisa. Venham daí esses panados!!

Panda disse...

Ainda aqui há, Mia, tantos que eram :D