7 de novembro de 2014

As castanhas

Gosto de estudar em Coimbra. É uma cidade antiga, cheia de tradição, capas negras e calçada. Mas o meu pequeno prazer em Coimbra é, talvez, diferente dos prazeres mais queridos pelos que lá estudam. Digo-vos que, para mim, é ir a pé de minha casa, que fica perto da Praça da República, até à estação nova. Aquele percurso, que me leva cerca de vinte minutos, ou meia-hora se eu for mais devagarinho, sabe-me pela vida, principalmente no inverno, quando o tempo consegue ser amigo e não começa a chover. Hoje fiz esse percurso outra vez, já há muito que não o fazia. O ar congelava os ossos, o céu estava carregado de cinzento, o piso escorregava e os carros levavam as luzes. As pessoas, todas diferentes e todas iguais, os estudantes e os coimbrinhas, os que vestiam capa e batina e os que apenas carregavam a pasta, todos na sua correria diária, sem prestar grande atenção a caras e ao movimento da cidade e eu passava por todos eles, de mala atrás, e o tempo parava a cada cara que se cruzava no meu caminho. E a senhora das castanhas, com o seu carrinho de fumo, muito velhinha, e o cheirinho no ar, e a música de rua, o fado que também é meu. Os atalhos da baixa e as lojas à antiga, os mercadinhos lado a lado com as lojas gourmet. E a estação, com pessoas a chegar e a ir embora para a terra. São os pequenos prazeres recônditos que me cativam e, um dia, quando deixar de estudar em Coimbra, vou ter saudades deste meu percurso, que tanta calma me sabe trazer no meio de tanta pressa.

16 comentários:

Gasper disse...

Ohh quase que fiquei com vontade de ir dar uma passeio por Coimbra ;)

Silent Man disse...

Ainda no último fim de semana estive em Coimbra, na Companhia dos Grelhados (junto à escadaria). Muito gosto eu da cidade! :D

Mellia disse...

Acredito que sejam espetacular :)

Panda disse...

Gasper, estás à espera do quê, hum? ;)

Silent, também gosto, embora não gostasse de viver em Coimbra um dia, quando acabasse de estudar. Gosto de viver lá enquanto estudo, isso sim. Tem destas coisinhas boas.

Mellia, eu gosto muito :)

marianósky disse...

sei tão bem. sabe tão bem.

Panda disse...

Sabe sim :)

Nina Nininha disse...

Adoro Coimbra!Não só pela cidade em si, mas também pelo espírito académico. E claro está os doce são a minha perdição ... Pastéis de Sta. Clara, Arrufadas de Coimbra ... já estou com água na boca :P

Panda disse...

Nunca provei os pastéis, mas como boa gulosa que sou, já vou ter que ir ver disso!

JS disse...

Tenho que voltar a visitar Coimbra, com mais calma...

Panda disse...

Acho que deves :)

disse...

os meus momentos de puro amor à cidade também eram 'passeios' no inverno a sós pelas ruas e ruelas.

Panda disse...

Tão bom, os momentos a sós com a cidade.

joana disse...

é mesmo isto. <3

Panda disse...

Sabe mesmo bem :)

ernesto disse...

Ah, é tão isto! É esta a minha coimbra.

Panda disse...

É esta que levo.